Publicado em 23/02/2017 às 03:00 PM

Opositores ao “Dia sem Imigrante” denunciam página de jornal brasileiro em MA

Opositores ao “Dia sem Imigrante” denunciam página de jornal brasileiro em MA

Walter ficou surpreso com o motivo do bloqueio Walter ficou surpreso com o motivo do bloqueio

O empresário Walter Medeiros entrou no final de semana passado surpreso com o que aconteceu com a página do jornal Negócio Fechado no Facebook. Ela foi bloqueada por 30 dias depois que algumas pessoas a denunciaram. “Eu não acreditei quando descobri o motivo das denúncias”, fala ressaltando que a razão foram as suas publicações de apoio ao “Dia sem Imigrante”, que aconteceu em 16 de fevereiro.

Medeiros fala que conseguiu os nomes de alguns denunciantes e a surpresa foi maior ao ver que entre eles estavam conhecidos da comunidade e que se apresentam como defensores dos imigrantes. “Até um jornalista estava entre eles”, continua.

Medeiros disse que não se ofende quando vê pessoas que são contra alguns movimentos promovidos por imigrantes, mas que esta atitude mostra um “ato de censura” que não deveria existir. “Eu respeito a opinião de todos, pois vivemos em um país democrático, mas prejudicar alguém só porque você não concorda com a ideia dela é no mínimo uma insanidade”, afirma. “Eu tenho mais de 50 mil seguidores que acompanham o meu trabalho e esperam todos os dias por novidades. Este bloqueio também foi um desrespeito para com estas pessoas”, acrescenta.

Quando ele publicou em sua página pessoal o bloqueio, dezenas de pessoas enviaram mensagens de apoio e criticaram a atitude de quem denunciou. “Não foi apenas eu que sofri. Fiquei sabendo que outras pessoas que apoiaram o evento tiveram suas páginas bloqueadas”, fala. “Infelizmente ainda temos em nossa comunidade pessoas que agem desta forma e se você não concorda com a ideia delas, elas tentam te derrubar”, finaliza.

Fonte: Brazilian Times